60 dias sem Marielle Franco: que conclusões tirar dessa execução?

Lucy Dias e Thomas Yamamoto
marielle60dias.jpg

Passados quase dois meses desde o assassinato de Marielle Franco, a resposta dada pelos investigadores não aponta para nenhum culpado, nenhum nome, absolutamente nada! E não poderia ser diferente. Marielle foi vítima de uma execução política feita para calar suas denuncias contra a ação sanguinária do 41º Batalhão da Polícia Militar na favela de Acari, no Rio de Janeiro. 

Estudantes e Professores são reprimidos por lutarem contra cortes na UnB

Jonathan Vitorio

20180426142134251415u.jpeg
Foto: Marília Lima


No dia 26 de abril, cerca de cem estudantes realizaram uma manifestação pacífica na UnB - Universidade de Brasília. O motivo da manifestação são os cortes orçamentários que vêm sendo aplicados na instituição, reflexo da emenda constitucional aprovada pelo governo de Michel Temer, PEC 55, que congela investimentos nos serviços públicos por 20 anos.

Somente a luta pela Educação Pública pode salvar as universidades em crise

Evandro Colzani
unicrise

No último dia 24 os servidores públicos e funcionários terceirizados da Universidade de Brasília (UnB) entraram em greve para defender os terceirizados ameaçados de demissão. Alguns dias antes, 12 de abril, estudantes já haviam ocupado a reitoria da universidade com base na mesma pauta.

Paquistão: seis camaradas presos pelo exército!

CMI Paquistão

paquisSeis camaradas da CMI foram presos hoje (22/4) em Karachi pelo Exército e pelos Rangers Sindh, um infame departamento estatal paramilitar destinado a assassinatos extrajudiciais. Necessitamos levar isto aos movimentos dos trabalhadores e dos estudantes de todo o mundo. Necessitamos de mensagens de protesto e de solidariedade. Agora!

Público enfrenta Apoiadores de intervenção militar e defende espetáculo do Festival de Teatro de Curitiba

João Diego Leite*
artecwb
Foto: Arte da Comédia


Na tarde do dia 31 de março, a Cia Arte da Comédia havia reservado o espaço da Praça Santos Andrade para apresentar o espetáculo “A loucura de Isabela”. O problema é que um grupo de cerca de 30 pessoas que apoiam a intervenção militar no Brasil ocupou as escadarias da Universidade Federal do Paraná (UFPR) para a realização de um ato público.

Um velho caminho para o novo Ensino Médio

Henrique Macedo
te

No dia 13/4 participei da palestra “Caminhos Para o Novo Ensino Médio” realizada pelo laboratório de estudos em psicologia da educação (LAPSI), onde foi apresentado a trajetória da escola pública no Brasil desde o seu surgimento, passando pelo contexto histórico das mudanças na educação tanto no período Vargas quanto na ditadura militar, dentre outros.

Debate sobre a profissão artista no Rio de Janeiro

João Diego Leite
porfart

No dia 9/4, uma matéria publicada no jornal o Globo divulgou o debate realizado na cidade do Rio de Janeiro, no Teatro XP, sobre a #profissãoartista. Segundo o Globo, o evento foi superlotado e quem idealizou a atividade foi o MOVA, com organização do MATER (Movimento de Artistas de Teatro do Rio) e apoio do Reage Artista e da Liga Teatral.

Inscrever-se em