Encerra o primeiro Acampamento Regional de Joinville

Aline Seitenfus
fogueira

No domingo (10/9) encerrou o primeiro Acampamento Regional da Juventude, realizado em Joinville. Durante três dias, dezenas de jovens estiveram reunidos discutindo a situação política nacional e internacional. O retorno à rotina é carregado de novos aprendizados e da certeza da necessidade de construir uma sociedade socialista.

11 de setembro: Os “desaparecidos” da ditadura de Pinochet

Evandro Colzani
missing82

Algumas organizações de esquerda defendem a ideia de que estamos vivendo sob um Estado de exceção no Brasil hoje. Essa impressão deformada que possuem da realidade é fruto da incapacidade dessas organizações de compreenderam o papel do Estado, da correlação de forças entre as classes e o caráter do Estado brasileiro na atual situação política.

Segundo dia do acampa regional Joinville

Kályta Morgana de Lima
acampeduca

A primeira edição regional do Acampamento Revolucionário da Liberdade e Luta (LL), que aconteceu na Cabana Max Moppi, em Joinville, teve o segundo dia (9/9) dedicado às formações: “Reformas e nossa luta por um Governo dos Trabalhadores e Educação Pública e Gratuita Para Todos!” e “O mundo é meu país! A luta contra o capitalismo é internacional”.

Inicia primeiro acampamento regional da Liberdade e Luta – Joinville/SC

Aline Seitenfus
acampamjlle

O primeiro acampa regional da juventude iniciou ontem (8/9), em Joinville. Dezenas de jovens estiveram presentes, unidos no mesmo desejo de aprender a criar um mundo livre de classes, um mundo socialista. O encontro é uma preparação para o Acampamento Revolucionário que acontece em janeiro de 2018 e reúne jovens de todo o Brasil e também de outros países.

Guarda municipal detêm jovens fura catracas em Curitiba

Liberdade e Luta - Curitiba
policiacuri

No dia 30 de agosto, 20 adolescentes foram detidos por furarem a estação-tubo Morretes, em frente ao Colégio Estadual Pedro Macedo, no bairro Portão. Os jovens foram retirados de dois ônibus da linha Santa Cândida/Capão Raso e levados à Delegacia do Adolescente pela guarda municipal de Curitiba.

Dois projetos que privatizam a Educação Infantil em Florianópolis

Ana Claudia da Silva e Winnie Serralheiro
edufloeripa

Estão em tramitação na Câmara Municipal de Florianópolis dois projetos de lei que atacam frontalmente o direito à educação infantil pública. O primeiro é o de número 16.998/17, proposto pelo vereador João Luiz da Silveira (PSC) que “institui a concessão de bolsas de estudo por permuta do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), pela rede particular de ensino”.

Por Nenhuma Residência a Menos!

Liberdade e Luta - Ceará
ufc

Em 2015, ainda no governo Dilma, foi cortado R$ 10,5 bilhões do Ministério da Educação (MEC). Curiosamente, este foi o ano em que a presidenta escolheu como slogan de campanha “Pátria Educadora” para o seu segundo mandato. Desde então, são cortadas bolsas de programas de iniciação à docência e científica, programas de extensão, de assistência e etc.

“Meus filhos, minhas regras!”: As tentativas da Escola Sem Partido em Florianópolis

Cecília da Silva (Liberdade e Luta – Florianópolis)
escolafloripa

Na última terça-feira (15 de agosto), o movimento de extrema direita MBL (Movimento Brasil Livre) convocou manifestações em todo o Brasil com o objetivo de protocolar nas assembleias legislativas e câmaras municipais o projeto de lei chamado “Escola Sem Partido”.

Inscrever-se em