57º Conune: Querem impedir a chapa “FORA BOLSONARO” de participar da eleição na UNESP-Rio Claro

Liberdade e Luta - Rio Claro
POST_04_RC_2.png

Nós, da Liberdade e Luta da UNESP-Rio Claro, inscrevemos a chapa "FORA BOLSONARO!" para participar do processo eleitoral do 57º Congresso da União Nacional dos Estudantes (CONUNE). Nossa universidade tem direito a eleger dois delegados. Queremos seu voto para que possamos defender as ideias de nossa chapa para os outros estudantes do país. Confira nossa pré-tese completa aqui [liberdadeeluta.org/node/451]. A principal reivindicação da chapa “Fora Bolsonaro” é a derrubada do governo, que ataca diariamente os estudantes e a classe trabalhadora.  Entendemos que assim abriremos caminho para reverter o sucateamento e os cortes de verba às universidades públicas, enterrando de uma vez também o risco d das privatizações.

A chapa “Fora Bolsonaro” defende  vagas para todos na universidade pública, destinando todo o dinheiro necessário para universalizar a educação e acabando com o vestibular. Queremos lutar contra a Reforma da Previdência, que retira direitos historicamente conquistados pelos trabalhadores, nos obrigando a trabalhar até a nossa morte. Propomos mobilizar contra a Lei da Mordaça, que pretende censurar e ferir o direito de cátedra dos professores. Repudiamos também a repressão da PM e sua presença dentro dos ambientes estudantis.

Nossas reivindicações te interessam, pois com elas é possível gerar melhorias nas universidades públicas e na vida dos trabalhadores. A principal questão que nos afeta hoje é o corte de verbas, que está destruindo a Unesp. Derrubando o governo Bolsonaro, barramos o projeto de educação reacionário do Olavo de Carvalho. Vamos também reverter o desvio de verbas públicas para o bolso dos empresários da educação e dos sanguessugas nacionais e imperialistas da dívida pública interna e externa. Esse dinheiro representa mais de 43% do Orçamento da União. A matemática é simples: com esse dinheiro poderíamos resolver todos os problemas que hoje oprimem os trabalhadores e os estudantes.

Sabemos que, além dos problemas já citados, todos os cursos na Unesp estão com o número de docentes efetivos reduzido. Sofremos com o corte de trabalhos de campo também, fundamentais para a nossa formação. Além da escassez de programas voltados à formação de professores, em um campus em que a maior parcela dos cursos é de licenciatura. O quadro técnico também tem sido atacado constantemente.

A partir do não pagamento da dívida pública, é possível abrir e reabrir concursos, contratar e valorizar o corpo docente da universidade, resgatar os trabalhos de campo - hoje muitas vezes custeados pelos próprios alunos, como é o caso do campo para o Pantanal - e reivindicar mais programas de extensão para formação de estudantes e professores, como o PIBID e a Residência Pedagógica, que estão com os dias contados.

Acreditamos ser importante fazer o debate sobre essas questões. A chapa “Fora Bolsonaro” tem as únicas reivindicações capazes de solucionar definitivamente a crise da Unesp.

Porém, posturas antidemocráticas absurdas estão acontecendo na universidade. Segundo o regimento eleitoral da UNE, é necessário que uma Comissão de 10 alunos (C10) seja organizada para coordenar a eleição. Na UNESP-Rio Claro há duas C10 inscritas, uma delas liderada pelo (Juntos) e outra pela (UJS). As comissões deveriam entrar em um acordo para dar andamento às eleições, pois somente uma poderá prosseguir, de acordo com o Regimento Aprovado do Congresso. Mas a coisa ficou tão absurda que os prazos de inscrição das duas chapas já expirou e nenhuma foi oficializada. Por isso, enviamos nossa inscrição às duas comissões, pelos endereços informados no site da UNE. Porém, não obtivemos respostas!

Os dois grupos que estão controlando o processo eleitoral estão impedindo o debate dessas ideias com os estudantes. Ao invés do livre debate, estão reproduzindo as fraudes que há tanto tempo impedem uma real participação dos estudantes.

Exigimos a confirmação da inscrição da chapa “Fora Bolsonaro”. Cobramos também a garantia do debate sobre os programas e a participação dos estudantes no processo de eleição. É preciso dar um fim ao obscurantismo e à omissão de informações que está acontecendo na UNESP-Rio Claro!

Queremos que seja garantida a participação da chapa “Fora Bolsonaro” neste processo eleitoral.

Vote Chapa “Fora Bolsonaro!” Venha lutar pela revolução com a Liberdade e Luta!

Data post