100 mil mortos: Bolsonaro e patrões, a culpa é de vocês!

Liberdade e Luta RJ
foto

O Brasil ultrapassou a faixa de 100 mil mortos infectados pela COVID-19, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.

Isso se dá não apenas pela figura reacionária dos dois presidentes, mas principalmente pelo apodrecimento cada dia mais escancarado do capitalismo.

Com o discurso de que a economia não pode parar e que, “infelizmente” algumas vidas serão perdidas, as grandes indústrias e boa parte do comércio nunca organizaram a quarentena. A maioria da classe trabalhadora não parou em momento algum, e a principal política de combate a pandemia é lavar as mãos e álcool em gel. Pura hipocrisia.

Com a reabertura do comércio, bares e restaurantes em meados de julho, só no Rio de Janeiro houve um aumento de 67%  no número de infectados em pouco mais de um mês.

Para garantir o funcionamento de um sistema que já respira com dificuldades a muito tempo, a burguesia colocou os trabalhadores arriscando suas vidas, diariamente. Tudo isso sem saúde de qualidade e com direitos sendo retirados.

Por isso lutamos pelo Fora Bolsonaro, por um governo dos trabalhadores, sem patrões nem generais. Só com a classe trabalhadora organizada conseguiremos derrotar nosso inimigo, o capitalismo, que está levando o mundo a barbárie.

Data post