Estudantes da PUC Campinas debatem a Lei da Mordaça

Liberdade e Luta

campEstudantes realizaram uma roda de conversa na PUC Campinas na última terça (14) para debater a Lei da Mordaça (veja mais fotos).

Cris Borges, militante da Liberdade e Luta em Itatiba, cidade próxima a Campinas, participou da conversa, apresentou a Liberdade e Luta para os estudantes e explicou a campanha contra a Lei da Mordaça. "Nossa construção a partir do abaixo assinado e também desses debates é mostrar que não nos calaremos diante desse projeto de lei que veio para calar de fato a transformação da nossa consciência na base que é principalmente a educação primária", relatou Cris.

A Lei da Mordaça avança pelo país. Em Campo Grande/MS, a Escola Sem Partido sofreu uma primeira derrota com a manutenção do veto da prefeitura. No entanto, são mais de 15 estados em que a lei ainda pode ser aprovada e calar estuantes e professores.

No dia 25 de junho a Liberdade e Luta irá realizar um ato nacional contra a Lei da Mordaça e convida todos os estudantes secundaristas e universitários do país para participar dessa campanha conosco.  

"Quer amordaçar 
não tô entendendo
mexeu com estudante
você vai sair perdendo
"

Data post