MANIFESTO DO COMITÊ ESTUDANTIL PELO FORA BOLSONARO DO DISTRITO FEDERAL

Liberdade e Luta
fora bolsonaro

Não é de hoje os ataques à educação pública, há 30 anos ela vem sendo desmontada e assaltada, seja com as Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional do governo FHC, ou pelas medidas de repasse de dinheiro público, com verniz de políticas pró-classe trabalhadora dos governo do PT de Lula e Dilma, a intenção é a mesma: entregar todo o sistema educacional à inciativa privada, aumentando os lucros dos abutres donos da educação privada. O governo Bolsonaro não só é um lacaio fiel desse projeto como também trouxe à tona todo o chorume da ideologia de extrema-direita, atacando a ciência e a pesquisa com a intenção de jogar toda a juventude em um futuro de trevas e desinformação. Em menos da metade de seu mandato, Bolsonaro já suspendeu dezenas de bolsas de pesquisa, assim como limitou as áreas de atuação de Programas de Extensão das Instituições Públicas de Ensino e Pesquisa (Universidades e Institutos Federais), excluindo as áreas de Ciências Humanas e Sociais.

É necessário ter clareza que isso é um projeto para alienar a juventude e a classe trabalhadora no momento em que a agitação social se intensifica, para que, assim, os capitalistas possam continuar seus ataques aos direitos ganhos em décadas de luta. No ano passado uma onda revolucionária percorreu a superfície terrestre por liberdade, como ocorreu no Sudão e na Argélia, e por melhores condições de vida e contra os ataques aos direitos, como ocorreu no Chile e no Equador. Tivemos a juventude sendo linha de frente. Livre das derrotas do passado, essa juventude não vê esperança de viver em um sistema que oferece miséria, obscuridade e morte para a maioria em nome de garantir o lucro para uma minoria. E nela está a força para pôr todo o sistema capitalista a baixo.

Essa onda revolucionária vem tomando o Brasil desde o carnaval de 2019. A palavra de ordem “Fora Bolsonaro!” vem ganhando as ruas e a juventude. Em maio de 2019 tivemos grandes mobilizações dos estudantes que não suportavam anos de sucateamento e assaltos à Educação. Não estavam dispostos a ver mais um ataque à Educação Pública e já naquele momento estavam fartos do governo. No 15M tivemos um embate entre as massas que puxavam o “Fora Bolsonaro!” e as direções sindicais e dos movimentos estudantis que boicotavam essa palavra de ordem.

Toda essa vontade revolucionária foi temporariamente arrefecida em todo o mundo por conta da pandemia do novo coronavírus. Porém, nas últimas semanas, vimos o desabrochar de uma nova onda. Tendo início nos Estados Unidos a partir da comoção e revolta pelo assassinato de George Floyd – mais uma de um trabalhador negro morto pela polícia racista. Essa onda vem tomando o mundo e mostrando que é hora de botarmos abaixo esse sistema.

Trotsky nos ensinou que temos que conseguir ligar as reinvindicações cotidianas a um programa socialista revolucionário. Com esse intuito, o Comitê Estudantil pelo Fora Bolsonaro do Distrito Federal desenvolveu alguns pontos para nortear nossa luta, sem perder a clareza de que devemos, em primeiro plano, derrubar o governo Bolsonaro e seguir para derrubar todo o sistema, para assim podermos garantir condições para estudarmos, pesquisarmos, amarmos ou seja, vivermos plenamente.

Segue a abaixo os pontos:

  • Garantia de condições para aulas remotas tanto para alunos como para professores: plataformas de ensino, computadores e internet para todos!
  • Garantia de proteção para os trabalhadores dos serviços essenciais, suspensão dos serviços não essenciais sem suspensão ou redução dos salários para os trabalhadores e garantia dos empregos a todos os terceirizados!
  • Suspensão das mensalidades das instituições de Ensino privadas até que todas as condições sejam garantidas a todos os estudantes para continuidade do calendário!
  • Federalização de todas as Instituições de Ensino Superior! Em defesa da Educação pública, gratuita e de qualidade para todos! 
  • Restabelecimento das bolsas de pesquisa cortadas! Todas as verbas necessárias para pesquisa e extensão!
  • Fim do vestibular! Vaga para todos nas universidades publicas!
  • Fora Bolsonaro! Por um governo dos trabalhadores sem patrões nem generais!
Data post