Estudantes da PUC-SP contra a Lei da Mordaça

Liberdade e Luta - PUC SP

puc1Na última quarta-feira (10/08) estudantes da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC–SP) e membros do núcleo da Liberdade e Luta realizaram uma roda de conversa sobre o projeto de lei da ONG Escola Sem Partido. Estiveram presentes principalmente alunos dos cursos de Ciências Sociais, História, Economia e Direito.

A roda de conversa foi organizada pelo Núcleo para ser um primeiro espaço de discussão dentro da universidade sobre esse projeto absurdo que quer se levantar contra as liberdades democráticas  liberdade de expressão, organização e manifestação.

Essa primeira discussão serviu para motivar os estudantes a se organizarem contra o projeto. Também para se mobilizarem e realizarem outras atividades na PUC SP. Além disso, foi feita a coleta de abaixo-assinados. O que fica de conclusão é a necessidade de organização como instrumento de luta para barrar esses e outros ataques contra a juventude e a classe trabalhadora.

Outras duas observações importantes foram: 

1. É preciso construir uma força com capacidade de atração para gerar grande visibilidade sobre o tema e para a luta.Isso se dá por meio da construção cotidiana, do debate e de atividades nos nossos espaços de atuação, tais como na PUC, na comunidade etc. Somente através desse processo contínuo de lutas organizadas é possível construir uma luta massiva e sistemática.

 2. Sobre o fato de que quando se propõe uma ''educação neutra'' está se propondo, na verdade, o crescimento de uma ideologia que disfarça as relações de opressão. Tanto em sala de aula quanto na sociedade, busca-se criar um ambiente em que o pensamento crítico não seja uma arma na luta contra a exploração e opressão.

Agrademos a participação de todos e convidamos a se organizarem conosco na PUC-SP contra a Lei da Mordaça, contra a Escola Sem Partido.

Pela Revolução e Pela Liberdade!

puc2puc3

 

Data post