educação pública

PEC 395/14 acelera privatização da universidade pública 

João Diego Leite
pec395

Deputados Federais devem votar amanhã (22/03), em sessão extraordinária, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 395/14, caso seja aprovada, as universidades terão autonomia para ofertar cursos pagos de extensão, pós-graduação latu sensu e mestrados profissionais. A exceção será para os programas de residência (em saúde) e de formação de profissionais na área de ensino, esses continuarão gratuitos.

A greve nacional da educação pode barrar a Reforma do Ensino Médio e a PEC de Temer

Pedro Bernardes

reformaO Governo Temer, desde antes de sua nomeação oficial, apesar de sua clara fragilidade, desfere ataque sobre ataque contra a classe trabalhadora. Não poderia ser diferente, ele só está ali para isso. É nesse sentido que a Reforma do Ensino Médio e a PEC 55 (antiga PEC 241) são pautadas ainda este ano como medidas que significarão o desmonte da escola e da saúde públicas no Brasil.

O que o Enem 2016 revela para quem quer ir à raíz dos problemas educacionais do Brasil?

Daison Colzani

enemPassados quase 20 anos desde sua primeira edição, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está muito diferente da ideia inicial. Desde 2004, o exame foi transformado em um grande vestibular. A partir do resultado alcançado é possível acessar vagas em universidades públicas e bolsas nas privadas.

Prouni e Fies sustentaram o ensino privado, enquanto maioria ficou fora da universidade

Lucy Dias

ensino privadoO Estado brasileiro, nos últimos 13 anos, buscou aplicar políticas para alinhar os interesses antagônicos dos setores explorados e daqueles mais poderosos. É possível fazer essas políticas se existem reservas ou emitindo moeda para financiamento e abrir espaço para o capital privado entrar.

Reforma do Ensino: O fim da escola pública, gratuita e para todos

Maritania Camargo e Evandro Colzani
bannerhash

Lançada oficialmente no dia 23 de setembro, a Reforma do Ensino Médio (MP 746/2016) do "governo" Temer é o ataque mais duro que a educação básica sofreu na história da escola pública, gratuita e para todos, a escola republicana, no Brasil. A proposta fere os princípios da igualdade de direitos, apresentados ao mundo após a Revolução Francesa de 1789, e retrocede ao final do século XIX.

Reforma do Ensino Médio: A educação brasileira em perigo

Maritania Camargo

reforensmedEstá anunciado para esta quinta-feira (22/09), às 15h, a Medida Provisória (MP) do governo Temer que reformula o Ensino Médio.  A proposta pretende flexibilizar a grade curricular, ou seja, parte das disciplinas não serão mais obrigatórias. Um ataque brutal na Educação pública, gratuita e para todos, pois cerceará a obtenção de conhecimento de milhares de jovens. 

Barrar o sucateamento, baixar as mensalidades, conquistar vagas para todos!

Stephanie D'Agnes

mensA educação é uma mercadoria bastante lucrativa para um setor da burguesia nacional. Atualmente há mais de duas mil instituições de ensino superior privadas espalhadas pelo Brasil que respondem por cerca de 80% do total de matrículas de estudantes na educação superior.

Inscrever-se em educação pública