educação

fvgxdgfdxb

O aprofundamento da política do atraso educacional: nomeação de Sandra Ramos em pasta do MEC

Cecília da Silva
dsgsdfg
Imagem: Esquerda Marxista

No último dia 10, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, nomeou Sandra Ramos para integrar a Diretoria de Articulação e Apoio às Redes de Educação Básica da Secretaria de Educação Básica do MEC. Sandra é professora na Universidade Federal do Piauí (UFPI) e já prestava assessoria técnica para o Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) nos últimos dois anos (2019-2020).

A luta pela educação gratuita: reforma ou revolução?

Marxist Student Federation

asdasdasd

 

A educação é a pedra angular do desenvolvimento econômico e social. É por isso que os marxistas defendem uma educação gratuita e decente para todos – de modo que os indivíduos e a sociedade como um todo possam maximizar o potencial de melhorar nossas vidas por meio da inovação, eficiência e imaginação.

Situação Política: a luta para pôr abaixo o governo Bolsonaro!

Coordenação Nacional da Liberdade e Luta

 

capa artigo

foto: @brasildefato

Tensões internas, instabilidade e escândalos sempre estiveram presentes no Governo Bolsonaro e até durante a campanha, o que não é difícil de acontecer em qualquer governo que se proponha a salvar um sistema que tropeça em suas próprias crises.

O Governo Bolsonaro quer aprovar um Orçamento de guerra contra o povo! Devolvam as verbas da Saúde, Educação e Ciência! Não ao retorno das aulas presenciais sem vacina!

Liberdade e Luta, Educadores pelo Socialismo
ds

 

A proposta de orçamento federal, enviada pelo governo Bolsonaro ao Congresso para o ano de 2021, é um crime contra a nação e o povo brasileiro. Em relação a 2020, a Educação teve um corte de 8,61%. A Saúde teve um corte de 12,13%. A Ciência, Tecnologia e Inovação teve um corte de 27,71%. Mas, mas as verbas inúteis para as Forças Armadas foram elevadas em 16,16%.

Inscrever-se em educação